Log In

Notícias

Morre o ator Andy Whitfield do seriado ‘Spartacus’

Pin it

O guerreiro perdeu a batalha contra o câncer.

Andy Whitfield, 39 anos, 1.80m, olhos azuis e músculos fortes, era mais do tipo “viking” do que espartano. Mas foi como Spartacus que ele conheceu a fama, em sua curta carreira como ator.   Protagonizou a primeira temporada de Spartacus: Blood and Sand, série da Starz conhecida pela forma violenta e explícita de representar as peripécias do líder de Esparta.

Era do tipo “viking”, mas foi um guerreiro espartano. Em março de 2010, Andy recebeu a notícia de que tinha um tipo de linfoma não-Hodgkin e se submeteu ao tratamento quimioterápico até julho do mesmo ano, chegando a anunciar que estaria pronto para voltar ao trabalho. A melhora aparente foi uma arma silênciosa, e o câncer voltou a  atacá-lo impiedosamente. Em janeiro desse ano, ele  foi substituído por Liam McIntyre, quando a Starz percebeu que Andy não voltaria para a segunda temporada.

Em um pronunciamento emocionado, o presidente e executivo da Starz, Chris Albrecht,  falou sobre Andy, e como a batalha dele contra o câncer impactou a todos que trabalharam com o ator. “Nós estamos profundamente tristes pela perda do nosso querido amigo e colega, Andy Whitfield,” disse Albrecht. “Nós fomos abençoados por ter trabalhado com o Andy em Spartacus e por ter visto que o homem que interpretava um campeão na tela, era também um campeão em sua própria vida. Andy foi uma inspiração para todos nós quando ele lidou com essa batalha mais do que pessoal com coragem, força e graça. Nossos pensamentos e orações são para com sua família nesse momento difícil. Ele viverá nos corações de sua família, amigos e fãs”.

O linfoma não-Hodgkin é um tipo de alteração celular maligna que se origina nos linfonodos (gânglios), importante no combate à infecções. Com o sistema imune comprometido, fica mais fácil o paciente ser atacado por doenças. É comum as queixas de febre, sudorese ou perda de peso inexplicada, e o diagnóstico precoce é a arma mais poderosa no tratamento dessa doença.

Mas o linfoma vencer, e Andy morreu nos braços da esposa Vashti em uma manhã ensolarada em Sidney, na Austrália. Ela definiu o marido como “um jovem guerreiro cheio de beleza”. E assim partiu o espartano.

Com informações do The Wrap e do News.com.au

Séries citadas:

30 anos, é formada em jornalismo pela Unesp e em Letras Inglês e Literaturas pela UFRN. No "TeleSéries", já foi colaboradora e editora de Notícias, agora é Editora de Conteúdo e escreve a coluna mensal "Sintonia". Já passou pelo Vírgula e pela Rede BomDia, do DIário de S. Paulo. No tempo livre, vê Bones, Hot in Cleveland, It's Always Sunny in Philadelphia, entre muitas outras séries. Fã do Clark Kent e música country.

Website: http://naliteral.blogspot.com.br/

blog comments powered by Disqus

Log In or Create an account